Armazéns inteligentes: 3 projetos de sucesso

03 Fevereiro 2020

Os atuais desafios exigidos pela logística fizeram com que muitas empresas optassem pela transformação das suas instalações em armazéns inteligentes ou pela construção de armazéns já automatizados.

O que significa contar com um armazém inteligente para a cadeia de suprimentos? Para responder a essa questão, como ponto de partida adotaremos três exemplos de armazéns inteligentes desenvolvidos pela Mecalux.

3 problemas resolvidos por um armazém inteligente

Um armazém inteligente combina o uso de sistemas automáticos com a gestão otimizada através de um WMS. Vejamos os problemas iniciais enfrentados pelas empresas Bem Brasil, Trumpler e Pavi Groupauto e como esses elementos foram capazes de resolvê-los:

1. Capacidade insuficiente para enfrentar o crescimento das vendas

A Bem Brasil é uma empresa especializada na produção de batatas pré-fritas congeladas. O forte ritmo de crescimento da empresa junto à expansão internacional que estava a ser realizada exigiam instalações de armazenagem em altura.

O armazém inteligente implementado para a Bem Brasil ganhou a forma de uma instalação autoportante capaz de operar com uma temperatura constante de -30 °C.

A empresa apostou em uma combinação vencedora: um sistema de armazenagem compacto ou em bloco para mais de 30 000 paletes, integrado com a combinação de transelevadores e Pallet Shuttle automáticos. Além disso, a Mecalux projetou um circuito de transportadores para agilizar os processos de recebimento e expedição de mercadorias.

Evidentemente, todas as operações são dirigidas pelo Sistema de Gestão de Armazéns Easy WMS que elimina a possibilidade de erros, assim como reduz intervenção dos operadores.

Neste armazém inteligente, os transelevadores funcionam em estantes compactas
Neste armazém inteligente, os transelevadores funcionam em estantes compactas

2. Necessidade de acelerar os fluxos da mercadoria a um custo acessível

A Trumpler é uma empresa multinacional do setor químico. As suas instalações de armazenagem em Barcelona (Espanha) mostraram-se insuficientes para enfrentar os fluxos de mercadoria exigidos pela demanda de seus produtos, impulsionada pelo mercado internacional.

A solução para a Trumpler veio através do projeto de armazém inteligente executado pela Mecalux. O plano consistia em aproveitar ao máximo a armazenagem em altura, dado que a superfície disponível era limitada.

Os dois transelevadores instalados contam com garfos de dupla profundidade para alcançar as segundas cargas das estantes (permite economizar o espaço destinado aos corredores) e estão ligados aos transportadores de rolos ou correntes que completam a automatização do movimento de cargas.

O sistema de gestão de armazém da Mecalux controla todas as operações. O Easy WMS está em comunicação constante com o ERP da Trumpler, com o qual troca informações cruciais para melhorar o desempenho global do armazém. Graças ao seu novo armazém inteligente, a Trumpler conseguiu melhorar sua capacidade de armazenamento mantendo um fluxo contínuo de produtos com uma maior agilidade e a um custo acessível.

O diagrama mostra a integração do Easy WMS com o ERP no armazém inteligente da Trumpler
O diagrama mostra a integração do Easy WMS com o ERP no armazém inteligente da Trumpler

3. Dificuldade para armazenar de forma organizada a enorme quantidade de referências

A PAVI-Groupauto é uma importante empresa fornecedora de autopeças para carros e camiões, localizada na França. O desafio que a PAVI-Groupauto enfrentava consistia em armazenar uma enorme quantidade de referências muito variadas e de baixa rotatividade. Devido a isso, a solução devia maximizar o aproveitamento da superfície de armazenamento, sem que entrasse em conflito com o acesso direto a todas as mercadorias.

Para cumprir ambos os objetivos, o armazém inteligente da PAVI-Groupauto conta com três pisos que triplicam a superfície útil de armazenamento onde foram instaladas estantes com as dimensões adequadas seguindo as características de cada produto. Um circuito de transportadores interliga todos os pisos e facilita o picking por áreas.

Os classificadores automáticos, sob as ordens do Easy WMS, selecionam a mercadoria e se encarregam de transportá-la ao posto de consolidação e acondicionamento de pedidos onde os pacotes são finalizados de forma manual. As caixas são transferidas para as áreas de pré-carga onde serão classificadas seguindo as rotas de envio. A complexidade da operação é controlada em tempo real pelo Easy WMS, garantindo a contínua rastreabilidade do inventário.

O circuito de transportadores interliga os pisos do armazém inteligente da PAVI-Groupauto
O circuito de transportadores interliga os pisos do armazém inteligente da PAVI-Groupauto

Esses três projetos de armazém inteligente mostram a grande versatilidade dos sistemas automáticos em ligação com um Sistema de Gestão de Armazéns como o Easy WMS. São soluções que se adaptam a qualquer tipo de setor e armazéns com diferentes tamanhos, necessidades e orçamentos.

Se desejar que as suas instalações de armazenamento também se convertam num caso de sucesso, como os que apresentamos, não hesite em entrar em contato conosco. Teremos muita satisfação em ajudá-lo a conseguir seus objetivos.